Inteligência Artificial na Saúde: Sim, é realidade!
28/11/2018 | Notícias

Há poucos anos, quando se falava em Inteligência Artificial, imaginava-se a revolução das máquinas. Isso tudo com direito a robôs malévolos em filmes de ficção, agindo por conta própria e tentando dominar a raça humana.

Inteligência Artificial na Saúde

Podemos nem ter notado, mas a Inteligência Artificial já está intrínseca em nossa rotina cotidiana. Seja utilizando os assistentes em nossos telefones celulares ou plataformas como o Spotify, Facebook e Google. Muitas vezes nem sabemos, mas serviços e soluções com os quais lidamos estão trazendo resultados otimizados e assertivos através do uso desse tipo de tecnologia. Vale destacar que esse uso ainda é muito inicial se comparado ao potencial desse mundo. Sim, o futuro nos reserva grandes mudanças.
A Inteligência Artificial não se parece em nada com o que foi pintado naqueles filmes de ficção antigos. Hoje temos a consciência de que usamos a Inteligência Artificial como grande aliada para empoderar o trabalho humano, atingindo os melhores resultados de maneira facilitada.

Mas afinal, o que é Inteligência Artificial?

Inteligência Artificial (IA) é um termo que engloba vários conceitos que se relacionam com inteligência computacional avançada. A IA em si é desenvolvida para simular o pensamento cognitivo humano e a sua tomada de decisões. Dessa forma realiza tarefas da mesma maneira que uma pessoa faria ou até mesmo de maneira aprimorada, mais rápida e mais assertiva. Isso pode ocorrer uma vez que uma ‘máquina inteligente’ consegue processar dados com muito mais facilidade e rapidez do que um humano.
Quando uma máquina resolve problemas ou realiza tarefas com base em um conjunto de “regras” pré-estipuladas, que são chamadas de algoritmos, ela é inteligente.

Machine Learning

Outro tipo de Inteligência Artificial é o Machine Learning, ou Aprendizado de Máquina. Esta permite que a máquina aprenda sozinha, utilizando os muitos dados que lhe são fornecidos para transformar em resultados precisos. Ou seja, é um método de treinamento de algoritmos para aprender a realizar a tomada de decisões. Isso permite que os sistemas aprendam e avancem com base na experiência vivenciada, sem estarem claramente programados.

Analytics e BI

Já Analytics refere-se à Inteligência Analítica, que por meio de estatísticas e análises identifica e interpreta padrões importantes em dados. O Business Inteligence (BI) reúne ferramentas de análises e cruzamentos de dados para auxiliar as tomadas de decisão.

E como a Inteligência Artificial pode auxiliar na saúde?

Possuímos uma solução de Inteligência Artificial na saúde, que aplica também técnicas de Machine Learning, Analytics e BI no cruzamento de dados para a identificação de comportamentos e padrões.
A nossa solução, chamada Dictas, surgiu da necessidade em se reduzir custos assistenciais e o desperdício nas operadoras de saúde. Dessa forma impactando positivamente também na qualidade de vida de seus pacientes.
A falta de previsão de custos com exames e procedimentos fazia com que os planos de saúde tivessem que lidar com gastos inesperados. Logo, para compensar acabavam realizando reajustes nos valores dos planos. Impactando de forma negativa não apenas no orçamento da empresa, como também no bolso dos pacientes. O Dictas fornece acesso a painéis com indicadores que apontam alguns gastos desnecessários, que não beneficiariam o paciente.

É realidade!

Ter uma previsão mais clara do uso de seus serviços facilita e possibilita que as operadoras disponham mais tempo ao atendimento de seus pacientes. Dessa forma, diminuindo a espera pela aprovação e realização de exames e procedimentos importantes para seu diagnóstico ou tratamento.
A tecnologia auxilia em várias fases do processo. Com o Dictas pode-se classificar pacientes por grupos de risco e patologias crônicas. Ele indica a necessidade de exames preventivos e cuidados especializados para os pacientes com maior risco. Com isso pode evitar o aparecimento ou desenvolvimento de algumas doenças. Também proporciona um entendimento melhor dos custos assistenciais e quais os procedimentos médicos são mais utilizados.
Desta forma, ao fornecer recursos para melhorar a gestão das operadoras de saúde, o Dictas também fornece benefícios na vida de seus pacientes por meio da tecnologia, incluindo aí a tão falada Inteligência Artificial.

Todas as informações fornecidas e coletadas por meio deste e de outros sites da Softplan/Poligraph (como nome, endereço, telefone, caminhos de navegação e outros) em hipótese alguma serão vendidas ou doadas a empresas externas para uso com fins comerciais ou para ofertas de serviços.

A confidencialidade de seus dados pessoais está absolutamente garantida. As informações coletadas ou eventualmente solicitadas pela Softplan/Poligraph serão feitas apenas com o objetivo de melhorar a relação entre a empresa e seus clientes/usuários e aprimorar nossas estratégias internas de marketing e comunicação.

Também só enviamos mensagens de correio eletrônico a pessoas que acreditamos ter escolhido receber estas mensagens. A qualquer momento, você tem o direito de optar por não receber mais nossos comunicados. Qualquer dúvida, entre em contato.